Hex Hall: A Maldição - Rachel Hawkins

Informações Técnicas


Edição: 1
Editora: Galera Record
Ano: 2013
Páginas: 320
Comprar: Saraiva, Amazon (ebook) e Leitura




ATENÇÃO! Essa resenha pode conter (e provavelmente vai!) spoilers do livro anterior. 

No segundo livro de Hex Hall, Sophie já sabe o que é, mas não completamente. Além de tudo, ela continua apaixonada por um agente da L’Occhio di Dio, que é uma organização que caça os Prodígios. O pai dela resolve buscar para passar as férias com ele em Londres, o que ela não esperava é que ela iria ter que decidir o que fazer com os poderes dela, com um noivo que apareceu de ultima hora e uma conspiração que ameaça destruir a paz entre mortais e mágicos. 



Bem, nesse livro nós temos a continuação da aventura de Sophia Mercer no seu mundo de Prodígios. Aventura? Sim senhor! Porque esse livro simplesmente não para de ter adrenalina um minuto sequer.  Nesse livro Sophia descobre mais sobre o tipo de Prodígio (?) que ela é, e começa a criar a própria impressão sobre o tipo de vida que leva. Então, após o pai resolver que ela deveria passar umas férias com ele em Londres, ela pega sua bagagem (sua melhor amiga vampira, seu noivo que o pai jogou junto com a bomba das férias e roupas, é claro) e vai se divertir em Londres? 

Divertir?

Gente, é tanta emoção em um livro só. É muito animado, cheio de ação e aventura.  A única coisa que me fez tirar uma estrelinha foi porque a narrativa da autora se tornou um pouquinho (UM POUQUINHO VIU GENTE, TIPO 5%) mais cansativa. 



Agora eu não posso negar que Rachel conseguiu fazer com que eu ficasse com o olho GRUDADO no livro até ele acabar. Muita coisa acontece nesse livro, muitos segredos são desvendados e muitos outros aparecem para serem descobertos no próximo livro, que eu já estou ansiosíssima para adquirir. 

A diagramação da Record nesse livro ficou incrível, super bem zelada, diagramada, traduzida, em fontes confortáveis. E essa capa? Eu ADORO as capas dessa série porque são simplesmente LINDAS !

Não tem o que dizer, só que Hex Hall continua sim na minha lista de leituras enquanto Rachel estiver escrevendo. 

You May Also Like

1 comentários

  1. Eu quase entrei em pânico quando você falou que teria spoilers na resenha, mas eu gostei bastante de tudo o que você escreveu e, felizmente, não achei nada que estragasse a leitura do primeiro livro, eu acho. Pelo que vi aqui, o livro não tem muito romance e eu agradeço por isso, pois, só de ler a Saga do Tigre, cansei de romances.
    Fiquei bastante curiosa para ler Hex Hall e, dá para notar que temos alguns gostos diferentes, pois eu não gostei dessa capa. e-e Foi a primeira coisa que vi antes de ler a resenha, mas isso não estragou a minha opinião sobre o livro e ele já está na minha listinha de leitura para 2015.

    Beijos. ♥
    Império Imaginário // FayG.

    ResponderExcluir