A Dama da Meia-Noite - Tessa Dare

Informações Técnicas

Edição: 1
Editora: Gutenberg
Ano: 2015
Páginas: 288
Compre 






Se Tessa Dare poderia provar que consegue melhorar uma história, ela vem fazendo com maestria no caminho da série Spindle Cove. Neste livro, que é o terceiro livro da série, temos a história da Srta. Kate Taylor, que é a professora de piano da comunidade. Linda, delicada, meiga e inteligente, Kate ainda se sente triste pois não sabe nada sobre sua família, e a única pista que tem é a marca no rosto em formato de coração.

Em busca de saber mais sobre o seu passado, Kate parte em uma viagem a outra cidade para conversar com uma ex-professora que pode saber alguma pista sobre a sua família. Porém não foi isso que encontrou, a levando a uma decepção. Na volta para Spindle Cove porém, ela perde a carruagem que seria a sua carona, e o resto de dinheiro que tinha. Desolada e sem perspectiva, Kate é salva pelo Cabo Thorne. Mesmo com todo o seu mistério e frieza, o cabo não vê outro jeito de a colocar em segurança que não seja leva-la em seu cavalo junto a ele. 

Porém o caminho é bem longo, e por mais que os dois possam negar, a atração é mútua e vai leva-los a loucura. Ao chegar na comunidade, um marquês aparece com a sua família dizendo ser pai de Kate. O Cabo Thorne não confia neles, e para que possa ajudar a Kate a descobrir a veracidade da conversa do marquês, mente dizendo que é noivo dela. Só que essa proximidade vai provar muitas outras coisas, e não vai ser só sobre família que a Kate vai descobrir.




A cada livro, Tessa Dare vem nos provar que consegue se superar. Ela pegou um personagem bruto, frio, misterioso e que a gente gostava sem gostar e criou uma curiosidade na leitora aqui que não imaginava que ia acontecer. Ela trouxe uma jovem dama inteligente (assim como as outras moças de Spindle Cove), meiga e que sofreu muito por não conhecer sua família. 


" O que você estava pensando ao viajar sozinha para tão longe?""Eu não tinha escolha." A voz dela falhou. "Eu sou completamente só."As mãos dele apertaram os braços dela."Eu estou aqui. Você não está sozinha agora."


O que mais me agradou nessa história é conhecer o Cabo Thorne por trás da máscara de frieza e tudo mais que ele veste todo dia. Sua missão é proteger Spindle Cove do perigo, porém tudo que ele mais defende muda quando aquela família chega dizendo que Kate faz parte da própria. Algo dentro nasce, fazendo a necessidade de proteger aquela moça e lhe dar o melhor. Assim, fingem ser noivos. O problema é que isso vai trazer diversos sentimentos, e eles vão descobrir muito mais do que sobre a Família de Kate. 



A narrativa da obra é incrível, e consegue captar as principais sensações do leitor durante a leitura da obra. Cheia de tiradas engraçadas e sensuais, Tessa Dare nos trás mais uma vez um romance de época incrível. Kate se mostra uma personagem forte, dedicada, e que conseguiu mesmo com as dificuldades se superar e construir uma vida agradável em Spindle Cove. O Cabo é intenso, e essa á melhor definição para Thorne.


"Estou lhe causando dor?", perguntou ela. -"Sempre. Toda vez que se aproxima." -Ela virou o rosto para o lado para esconder a mágoa. -"Desculpe-me." - "Não quis dizer isso." Ele parecia bêbado. Com a mão sadia, ele empurrou o rosto dela até Kate olhar para ele. "Você é linda demais. Isso dói."


Outra coisa que eu gostei muito foi a participação de antigos personagens na obra, como Colin e Minerva (meus favoritos ainda, sorry). É muito bom saber como estão após o término da outra obra, e eu fiquei muito feliz.




A edição da Editora Gutenberg está MARAVILHOSA, e posso adiantar que essa é a capa que eu mais gosto até agora da série. A tradução ficou excelente, assim como a diagramação interna, ajudando a leitura ser fluida e fácil. Não me canso de recomendar essa obra, sério.

You May Also Like

9 comentários

  1. Eu gostei do enredo deste terceiro livro, mas os dois primeiros volumes são bem melhores. Eu achei que este é bem mais meloso, bem mais. Eu ate gostei desta protagonista, mas achei que essa história ficou mais no comum dos romances de época. Também gostei da capa, é linda mesmo.
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir
  2. Acho tão lindas estas capas que não tem nenhum apelo mais sensual...
    Enfim, esse romance históricos são sempre assim: pegam um personagem fechado/chato/mandão/pervertido/safado, e nos faz gostar dele, sendo que na vida real lhe daríamos um soco.
    Não conhecia essa série, mas já quero.

    ResponderExcluir
  3. Oi Tamiris!
    Li o livro em e-book e gostei mais desse do que do primeiro, não esperava aquela resolução para mistério, volto a ressaltar que na forma em e-book a editora cometeu diversos erros, o que é muito chato durante a leitura. Achei a mocinha mais simpática e pareceu um par perfeito mesmo com o cabo. Fiquei feliz com o deslace da história.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Não sei dizer qual eh o melhor...Fica mto dificil escolher com tanto conteúdo bom desse jeito...
    Tá lindo!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  5. Outra história para prender o leitor do começo ao fim. Gosto de personagens misteriosos e frios nesse tipo de romance. É ótimo conhecer o outro lado deles e se surpreender. Esses dois parecem ter um romance bem gostoso de acompanhar. E é legal ver os anteriores também, saber o que aconteceu com eles. Precisando ler, viu. Só aumenta a curiosidade aqui!

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    eu to ficando surpresa com cada resenha que leio da série Spindle Cove!
    Todas são apaixonantes! Parece que a autora consegue criar hisórias totalmente diferentes, mas interligando os personagens.
    Fiquei com uma dó da Kate por não conhecer seus parentes :/
    Mas tenho certeza que a autora conseguiu criar um final feliz para ela.
    Ah! Achei essa capa a mais linda de todas!

    ResponderExcluir
  7. Oi Tami.
    Esse foi o que me conquistou da série, gosto muito desse mistério envolvendo a família da mocinha, um pouco clichê, mas ainda sim estou animada para conferir essa série.
    Boa Noite.

    ResponderExcluir
  8. Que legal! Nunca tinha visto um romance de época de uma personagem que não conhece a família.
    E gostei muito doc abo Thorne, parece ser aquele personagem tímido, na dele, até mesmo arredio, mas superprotetor e de confiança que no final, a gente ama!!!!
    A capa é linda nesse tom de azul.
    bjss

    ResponderExcluir
  9. Que legal! Nunca tinha visto um romance de época de uma personagem que não conhece a família.
    E gostei muito doc abo Thorne, parece ser aquele personagem tímido, na dele, até mesmo arredio, mas superprotetor e de confiança que no final, a gente ama!!!!
    A capa é linda nesse tom de azul.
    bjss

    ResponderExcluir