O ultimo dos Canalhas - Loretta Chase

Informações Técnicas

Edição: 1
Editora: Arqueiro 
Ano: 2015
Páginas: 304





Após a prematura morte de seu jovem primo, Vere Mallory herda o título de duque de Ainswood. Ele passa a maior parte de seu tempo em bares suspeitos e fugindo de suas obrigações como duque.

Lydia Grenville é uma mulher muito independente, que está sempre lutando pelos direitos das mulheres e ajudando os inocentes, e é quando esta tentando ajudar uma jovem das garras de uma terrível cafetina que Vere aparece para atrapalhar as coisas.

Depois desse primeiro encontro Londres se torna muito pequena para esses dois titãs, que estão se esbarrando em cada esquina, não que isso seja coincidência, já que Vere está mais que disposto a se vingar de Lydia por humilha-lo e fazê-lo ser alvo de chacota por seus companheiros da sociedade londrina.

Será que Londres vai aguentar essa disputa? Ou será que as discussões acaloradas entre os dois vão fazê-los finalmente sucumbir a atração que sentem um pelo outro?



Assim como o livro anterior o começo foi um pouco lento e difícil de pegar, o que quase me fez desistir da obra, porém após dar continuidade, consegui engrenar na história e terminá-la com a sensação de que sobreviviA autora escreveu um romance muito divertido, com uma mocinha bem forte e que não leva desaforo para casa, o nosso mocinho, senhor, ele é um convencido, mas consegue conquistar com o seu jeito arrogante.

“Não seja ridículo. Não sou uma dama, mas uma jornalista, e todo mundo sabe que os não temos moral”.
Com narrativa intercalada entre os dois personagens, é possível entender o que cada um dos personagens esteja sentindo. Eu adoro esse tipo de narrativa, mas nesse ponto a autora conseguiu se demorar um pouco, prolongando a leitura. Mas aos poucos vamos nos sentindo entrosados pela história, e é mais fácil de ler, chegando a se atrair pelos personagens.



O Último dos Canalhas tem cenas quentes muito bem escritas, tão bem que é melhor estar em um lugar fresco e muito bem ventilado. A diagramação do livro segue o padrão dos outros livros de romance publicados pela editora, que é bem confortável para a leitura.


“Não iria humilhá-la publicamente. Vere seria a única testemunha da queda, que seria em seus braços e, em seguida, na cama.

Para todos que apreciam um bom romance de época, com personagens divertidíssimos que fazem de Londres seu próprio campo de batalha com suas disputas e discussões inteligentes, esse livro é uma ótima indicação, posso garantir muitas risadas, suspiros e muitas outras emoções.


You May Also Like

7 comentários

  1. Aaai meu Deus que lindo!
    Veres com essa pinta toda de canalha me dxa ainda mais curiosa pra ler...
    Gostei mto da resenha, adorei como vc apresentou os detalhes....
    Qro mto ler!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  2. Oi Tamiris.
    Eu sou louca de paixão por romances de época, fiquei bastante curiosa para ler essa série, gosto muito quando os personagens discutem bastante, gostei dos personagens a descrição que fez.
    Irei ler com certeza.
    Bom Dia.

    ResponderExcluir
  3. Gostei da premissa, essa briga dos dois e no fim aquele romance, acho tal legal!
    Também gosto de quando o livro é narrado por dois personagens, conseguimos ter uma visão ampla da história.
    Esse último quote é bem caliente, gostei haha

    ResponderExcluir
  4. Tenho muito curiosidade para ler esse livro.
    A mocinha parece ser ótimo, e o mocinho, meio marrentinho kkkk
    a capa é linda. Ameeeeeei.
    Quero ler o mais breve possível.
    beijocas

    ResponderExcluir
  5. Esperava um tão bom quanto o outro dela, mas até achei legal esse não ser uma cópia daquele outro. Ele tem um ritmo próprio, achei isso bom.
    E esses dois...a mocinha é forte e independente MESMO, não leva desaforo e não tem medo de nada. É cada situação maluca em que ela se coloca. Gostei disso.
    E o romance dos dois é legal, meio aquele quer-não-quer, uma lerdeza pra finalmente admitir que se gostam. É bom, vale a pena ler. Só não pode ir achando que vai ser outro Príncipe dos canalhas...

    ResponderExcluir
  6. Oi Tamiris!
    Amo o livro e a autora! Não senti esse começo de livro lento que você mencionou nesse livro e no seu antecessor, pena que você não conseguiu gostar tanto.
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Amei a personagem Lydia, como eu gosto de ver mulheres diferentes da época em que pertencem (com preceitos diferentes). Já Vere me irritou, não gostei muito dele, mas pelo que você citou acho que no desenrolar da trama ele conquista o leitor, acho que me conquistaria...rs... Outra coisa que gostei foi da trama ser intercalada, como já citei, gosto muito de livros assim, pena que isto tenha deixado a leitura um pouco arrastada. Gostei muito da resenha!
    Abraço!
    A Arte de Escrever

    ResponderExcluir